O Rodrigo Shiguematsu (o Ruddy),  colaborador do Elefante Voador, visitou o tão falado Jedi’s Burger e Grill, inaugurado este mês na zona sul de São Paulo, para agradar os fãs de Star Wars numa ambientação temática e bem divertida. Vamos ver o que ele tem a dizer?


 

Por Rodrigo Shiguematsu

 

FOTO1

O restaurante fica na rua Verbo Divino, 1194. Pra quem vai pelo transporte público, fica a algumas quadras da estação de trem Granja Julieta. A fachada do estabelecimento é bem chamativa no meio dos vários restaurantes que tem por lá. Pelas fotos parece muito mais legal, pessoalmente é um pouco decepcionante. O local não é tão grande, deve caber umas 90 pessoas sentadas e umas 10 no balcão. Metade é a cozinha e o bar, e nos fundos há um banheiro minúsculo com uma cabine de cada.

FOTO2

Não há Stormtroopers para te atender e muito menos sabres de luz. Apenas simples garçons que as vezes se atrapalham muito querendo ser eficientes. Eu mal consegui sentar e um já veio me entregando o cardápio e logo depois outros três já vieram perguntar o que eu queria. Eu nem tinha aberto o cardápio ainda. O dono do local fica de tocaia vendo se trabalham direito, e ouvi falar que em dias muito cheios não dão conta do recado. Eu fui hoje (25 de junho), numa quinta-feira, as 16h e já estava bem cheio!

FOTO3 FOTO4

A decoração é legalzinha, duas TVs de plasma em cada canto passam filmes de SW incansavelmente. E as paredes são decoradas com papeis de parede e alguns sabres de luz. O fundo é a vista pro espaço (que eu só consegui entender agora que vi as fotos) como se todos estivem dentro de uma nave.

FOTO5 FOTO6

Demorou uns 30min pro meu lanche chegar.

Estava indeciso entre o Big Jedi’s (Dois hambúrgueres, alface, queijo, molho especial Jedi’s, cebola, picles no pão preto – Acho que já vi isso em algum lugar! Te faz lembrar alguma coisa?) e o Pic Jedi’s Darth Vader (pão preto, hambúrguer de picanha, queijo prato, alface julienne, cebola crua e molho especial Jedi’s – que eu não vi nada demais além de um simples molho qualquer de boteco), R$22,50, que é chamado carinhosamente de Darth Vader.

Escolhi o segundo. Era pequeno e não satisfez minha fome. Mas o sabor estava ótimo, o hambúrguer no ponto, a alface bem picadinha e fresquinha. O molho na quantidade certa pro lanche não ficar sambando na sua mão e o pão macio e fresquinho. Fiquei com vontade de pedir outro, mas não estava afim de pagar 25 paus noutro lanche.

FOTO7
Creme brulle

Resolvi pedir uma sobremesa. Uma FORCE sobremesa. Uma sobremesa de chegar a ir pro lado negro da força! Enfim, consegui chamar a atenção de um garçom (agora eles estavam todos dispersos, onde estava toda aquela vontade de me atender?) peguei o cardápio e fui pra página de doces…

Mas o que? Açaí na tigela? Torta de pera? Creme brulle?? Cadê a droga da temática? Me decepcionou totalmente, mas minhas lombrigas não me deixaram recusar um creme brulle, afinal, estava com vontade há dias. Pelo preço do doce, R$16,50, e o tamanho, um ramekin* de 30g, minha vontade foi de devolver o doce. Ainda mais com uma apresentação horrorosa dessa (foto acima). Totalmente decepcionante. Fiquei com vergonha de mentir pro gerente quando ele me perguntou se estava bom o doce. Eu estava de bom humor.

[*Ramekin: pequeno pote de cerâmica, utilizado para comidas.]

FOTO8

Fui conhecer o banheiro, por que tinham me falado que era também temático. Logo que você entra é surpreendido por um Darth Vader que pisca os olhos em vermelho (??). E dentro das cabines você pode ter o prazer de fazer suas necessidades olhando pra luta de Darth Vader x Luke Skywalker estampadas na parede.

FOTO9

Pedi a conta. Na estampa do caderninho da conta (eu não sei o nome disso) há o Darth Vader estampado. Isso quer dizer que lá é tudo caro e você gastará uma nota preta!

Conclusão:

Não há muita inovação nem criatividade no cardápio. O lanche que provei era saboroso, mas pequeno e caro demais. Os garçons se atrapalham um pouco nos pedidos, mas são bastante gentis. Tirando os lanches que citei, o resto é de uma lanchonete comum remodelada com os nomes de Star Wars. A única coisa criativa que vi foi o pão de hambúrguer preto. Pra mim parecia mais um bar, o balcão cheio de docinhos igual de restaurante pobre.

Espero que tenham curtido minha matéria! Até quem sabe uma outra vez!!

Ruddy


 

Rodrigo Shiguematsu é tecnólogo em gastronomia, formou-se em 2013 pela Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo. Conheceu as autoras do Elefante Voador a mais de 10 anos pessoalmente, antes disso, viviam em longos bate-papos pelo ICQ, por madrugadas a dentro em conexão discada.  

One thought on “Conhecendo o Jedi’s Burger e Grill

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Next Post

Tem elefante no perfume Kenzo Homme

Mon Jun 29 , 2015
Só de ver a nova campanha do perfume Kenzo Homme, o Elefante Voador já ficou em êxtase! ♥ Como? Quando? Onde? Por que? Muita calma, […]
Bitnami