Elefante Conferiu

O que eu nunca disse antes, Federico de Rosa | Resenha

O Elefante Voador adora os sábados ♥ porque sábado por aqui significa que tem resenha nova no site. A resenha que trazemos hoje, é um pouco diferente dos livros que vocês estão habituados a ver no blog. A Editora Paulinas nos enviou um exemplar de O que eu nunca disse antes, o livro autobiográfico de Frederico de Rosa, um rapaz autista.

Se você gosta de histórias emocionantes de superação pessoal, você vai adorar O que eu nunca disse antes. Permita-se se encantar com a vida de Frederico, assim como nós do Elefante Voador. Abaixo você verá a sinopse e os dados do livro e, em seguida, nossa resenha.

O que eu nunca disse antesO livro autobiográfico O que eu nunca disse antes, escrito por Federico de Rosa, um rapaz autista com profundas dificuldades de comunicação, impressiona pela profundidade e lucidez.

Federico descobriu que conseguiria expressar-se por meio do computador aos 8 anos de idade; aos 20, não só concluiu o Liceu Científico (equivalente ao Ensino Médio brasileiro), mas também tem amigos e frequenta a paróquia de seu bairro. Nasceu em uma típica família italiana, numerosa e feliz. Era um bebê lindo, loiro e de olhos azuis. Com 1 ano de idade, porém, os pais perceberam que ele começou a fechar-se em si mesmo, sem demonstrar interesse pelo que acontecia ao seu redor e sem reagir às tentativas de interação. Crescia incapaz de compreender o mundo, de responder às pessoas, de estabelecer relacionamentos.

O autismo foi diagnosticado bem cedo, e sua família o acompanhou de perto desde o começo, com o apoio de terapeutas, educadores preparados e muito amor – o que, segundo ele, sempre foi o mais importante para o seu desenvolvimento. Seu objetivo, ao publicar o livro, é ajudar as pessoas autistas que sofrem por não conseguirem ser compreendidas e construir uma ponte que as ligue à “sociedade neurotípica” (como nomeia os “não autistas”), demonstrando que o fato de estarem “presas” dentro do autismo não as torna loucas, burras ou perdidas em outro mundo. Ao contrário, têm medos, esperanças e muitas frustrações por não conseguirem fazer tudo o que os outros fazem.

Uma obra muito interessante para quem quer saber o que existe “do outro lado”, dentro do coração e da mente do autista, especialmente em casos como o dele, em que a comunicação é tão difícil. Pode ser de muita ajuda, especialmente para os familiares e para as pessoas que mais convivem com autistas, como educadores e colegas de escola.

Título: Que eu nunca disse antes (O)
Autor: Federico de Rosa
Coleção: Superação
Formato: 13,5 x 20,0 cm
Páginas: 184
Código: 529150
ISNB: 9788535641301
Preço: R$ 29,50


Resenha

O que eu nunca disse antes é uma verdadeira viagem pelo olhar de um autista sobre o mundo. O modo como ele enxerga os sentimentos, as situações ao redor, as pequenas vitórias. É uma obra intensa, tocante e que nos dá uma noção sobre as dificuldades das pessoas que sofrem de autismo passam todos os dias.

A narrativa é a história real de Frederico de Rosa e é contada em primeira pessoa de uma maneira cheia de sensibilidade. Ele aborda temas como a dificuldade dos autistas em se comunicar ou de ficarem expostos em lugares com muitos barulhos ou estímulos visuais.

Por que existe o autismo? Qual sua causa? Por que tinha atingido logo a mim, confinando-me numa condição de vida tão limitada?

Em contrapartida, a percepção de Frederico ao que está ao seu redor é muito mais vívida do que de uma pessoa “comum”. Ele não tem pressa, observa detalhes, sente a energia do ambiente, consegue captar sentimentos de uma maneira muito intensa.

Percebe-se isto inclusive quando ele apresenta alguma pessoa de seu convívio ao leitor. Nós provavelmente apresentaríamos alguém dizendo seu qual seu nome, idade, profissão… Ele se atenta a pequenos detalhes que faz aquela pessoa única no mundo. Como características da personalidade, a cor dos olhos, gestos…

IMG_20160811_142737771

Na parte final do livro, podemos ver a evolução de Frederico em se comunicar através do computador, com incentivo de sua mãe. Podemos acompanhar seu progresso desde as primeiras palavras até se tornar possível escrever O que eu nunca disse antes.

Se você assenta um tijolo, depois outro e não para mais, um dia perceberá que construiu uma imensa e maravilhosa catedral onde antes não havia nada.

Para mim foi uma experiência incrível ter contato com este livro, porque pude conhecer um pouco mais sobre o autismo, sobre os problemas relacionados a doença que normalmente passam invisíveis aos nossos olhos. E também, para perceber como a vida pode ser linda e tudo depende do que fazemos dela. Frederico é um verdadeiro exemplo de que o amor dos amigos e familiares é o melhor incentivo que podemos ter e que toda superação é possível desde que a gente não desista no meio do caminho.

Todos nós temos alguma limitação, alguma fragilidade, sem a qual não seríamos humanos, porque a humanidade, creio, é exatamente a luta cotidiana que empreendemos para fazer florescer a alegria em nossa vida, não obstante tais limitações.
E nisso, entre nós autistas e vocês neurotípicos, não existe realmente diferença alguma.

Frederico, muitíssimo obrigada por dividir sua história com o mundo. Obrigada Editora Paulinas por trazer este tesouro para os leitores brasileiros.

Onde comprar?


Elefante pergunta: Você já leu uma história real como a de “O que eu nunca disse antes”? 

Comente via FB ♥