Elefante Dá a Dica

Lançamento: O bazar dos sonhos ruins, Stephen King, Suma de Letras

Chega esta semana nas livrarias do Brasil um novo livro do Stephen King publicado pela editora Suma de Letras. O Bazar dos Sonhos Ruins é uma coletânea de vinte contos. Aborda temas como moralidade, vida após a morte, culpa, os erros que consertaríamos se pudéssemos voltar no tempo, entre outros.

Há histórias sobre pessoas descobrindo superpoderes – como o colunista, em “Obituários”, que mata pessoas ao escrever sobre suas mortes; ou o velho juiz de “A duna”, que ainda criança descobre uma pequena ilha onde nomes surgem misteriosamente na areia – nome de pessoas que logo morrem em acidentes bizarros. Em “Moralidade”, Stephen King narra a vida de um casal que vai se despedaçando quando os dois mergulham no que, a princípio, parece um vantajoso pacto com o Diabo.

Antes de cada história, King ainda faz comentários bibliográficos, conta como teve a ideia para escrevê-las e como foi colocá-las em prática.

Título original: THE BAZAAR OF BAD DREAMS.
Tradução: Regiane Winarski
Páginas: 528
Formato: 16.00 x 23.00 cm
Peso: 0.797 kg
Acabamento: Brochura
ISBN: 9788556510303
Selo: Suma de Letras

 

 

 

Deu aquela curiosidade? Leia um trecho aqui.

Como a Ju é fã de King, pedimos para ela ler o trecho disponibilizado pela editora e fazer as primeiras impressões. Confira a seguir!


Primeiras impressões “O Bazar dos Sonhos Ruins”:

Eu adoro as introduções do King, o jeito como é feita a narração faz nos sentir, como ele mesmo diz, que somos amigos há tempos! Ele conta o motivo de gostar tanto de escrever contos. E, devemos concordar, é mais difícil do que escrever romances, pois é necessário seguir uma única linha, fazer com que entremos na história mais rápido e nos entreter em tempo record, tudo isso em poucas páginas. Como fiel leitora, devo dizer que ele consegue com maestria!

Assim como em outros contos de King, adoro o jeito como ele conta o que o levou a escrever tal enredo, e isso dá mais emoção ao tema.

O primeiro conto, Milha 81, nos primeiros momentos já me deixou “íntima” de Pete e curiosa para saber o que ele quer tanto mostrar. Maaas… SUMA DE LETRAS, MINHA AMIGA… Por que terminar o trecho assim do nada? Isso não se faz! E agora? O que Pete quer tanto nos mostrar?

Enfim… Esse é o espírito dos contos de King, em poucas páginas nos deixa curiosos, intrigados e íntimos dos personagens.


Adquira seu exemplar em:

Amazon


Elefante pergunta: Quem aqui também é fã de Stephen King?

Comente via FB ♥