Com amor, Simon – Becky Albertalli | Resenha

Nem Cintia, Nem Isis. Hoje o Elefante Voador tem um convidado especial fazendo a resenha de Com amor, Simon, de Becky Albertalli: Wesllen Maicon, jornalista (e amigo do Elefante Voador ♥). Temos certeza de que vocês vão adorar! Mas antes, vem conhecer um pouco mais sobre a obra:

Simon tem dezesseis anos e é gay, mas ninguém sabe. Sair ou não do armário é um drama que ele prefere deixar para depois. Tudo muda quando Martin, o bobão da escola, descobre uma troca de e-mails entre Simon e um garoto misterioso que se identifica como Blue e que a cada dia faz o coração de Simon bater mais forte.
Martin começa a chantageá-lo, e, se Simon não ceder, seu segredo cairá na boca de todos. Pior: sua relação com Blue poderá chegar ao fim, antes mesmo de começar.

ISBN-13: 9788551003053
ISBN-10: 8551003054
Ano: 2018
Páginas: 272
Idioma: português
Editora: Intrínseca
Tradução: Regiane Winarski


Resenha 

Com amor, Simon, de Becky Albertalli, foi publicado originalmente em 2015 com o título Simon vs. The Homo Sapiens Agenda. Entretanto o novo título do livro veio em consequência da adaptação cinematográfica Love, Simon, que estreou nos cinemas em março deste ano. Para mim, o novo título agradou muito mais e com certeza chamou mais atenção e atraindo novos leitores.

A história é envolvente e acontece na maioria do tempo na cidade de Shady Creek, Austrália. Simon é um garoto gay, porém não sabe como contar isso à família e amigos. Tudo muda quando, após uma postagem no Tumblr de confissões anônimas da escola Creekwood High School, um adolescente se assume gay.

Simon cria uma conta fake no Gmail e começa a trocar mensagens com o misterioso Blue. Agora, ele tem com quem conversar sobre sua sexualidade, sua vida e seus gostos. Ambos estudam na mesma escola, porém nenhum deles sabe quem é quem.

Até que um dia Simon esquece de deslogar da sua conta e um aluno (Martin) lê os e-mails trocados com Blue e ameaça contar o seu segredo para escola se Simon não o ajudar a conquistar Abby (amiga de Simon). Com medo de como isso poderia chegar aos ouvidos de seus amigos e pais, o garoto se sujeita a chantagem de Martin. Sabendo também que ninguém, a não ser ele mesmo, deveria contar isso às pessoas mais próximas dele.

Na minha opinião, o livro demora um pouco para acontecer algumas coisas que deixa você boquiaberto. Mas quando acontecem, você fica bem entusiasmado e a história parece ganhar mais ritmo.

A autora Becky Albertalli é psicóloga e trabalhou com adolescentes e foi orientadora de um grupo de apoio em Washington para crianças e jovens com não conformidade de gênero. Acredito que isso tenha ajudado muito a escrever a história, deixado-a mais sensível e leve ao público.

Muitas vezes me vi na pele de Simon. Quando você é um adolescente LGBTQI+ para alguns contar à família e amigos pode ser um pouco difícil. “Qual o momento e como contar?” “Qual seria a reação deles?” Além de abordar essas questões, o livro também fala sobre amizades, conflitos, primeiro amor, e faz você crer: “Todo mundo merece uma grande história de amor.” Amei todo o desenrolar da história e a sensação boa que ela me deixou. Você se lembra de quando contou as pessoas próximas sobre sua sexualidade, e quando começa a gostar de alguém. Toda aquela sensação e frio na barriga.

Se você gosta de romance, esse livro é para você. Ele mostra que amor é amor, e não depende de gênero ou sexualidade. É um livro inteligente e criativo que vai prender sua atenção. ♥

Ainda não assisti ao filme, mas confesso que estou bem ansioso. Já ouvi a trilha sonora do filme e está incrível, inclusive tinha artistas que eu não conhecia e super indico Amy Shark. E você, já leu? Assistiu ao filme? Me conte qual foi seu ponto de vista sobre a história.


Wesllen Maicon é (veget)ariano, jornalista por formação, acredita em signos e ama música, moda e fotografia. Na horas vagas ama fazer trilha e sair fotografando pela cidade de Poços de Caldas-MG. Sempre atento, gosta de observar mais e falar menos, mas é um super amigo. Seu amor por felinos é grande. 

Você também poderá gostar de:

Comente via FB ♥